Curso inédito de Audiodescrição realiza Aula Inaugural


Publicado em: 19.03.2014

logo_audiodescricaoTem início nesta quinta-feira, 20, o primeiro curso de especialização em Audiodescrição do Brasil, promovido pela Universidade Federal de Juiz de Fora em parceria com a Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência. A oferta de especialização nessa área reafirma o compromisso da UFJF com uma sociedade inclusiva, ao capacitar profissionais para promover a acessibilidade de pessoas com deficiência, visto que o profissional poderá atuar nos mais diversos contextos e ambientes culturais, educacionais e corporativos.

A Universidade recebe, a partir desta data, cerca de cinquenta alunos das regiões centro-oeste, nordeste, norte, sudeste e sul para a aula inaugural que contará com a presença do Secretário Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Antônio José Ferreira e do Coordenador da Coordenação-Geral de Acessibilidade, Rodrigo Abreu de Freitas Machado. Participam ainda da solenidade de abertura o Secretário de Desenvolvimento Institucional da UFJF, Flávio Iassuo Takakura; as Coordenadoras do curso, Eliana Lucia Ferreira e Lívia Motta e os professores que ministrarão aulas na especialização.

Dando continuidade às atividades durante os dois próximos dias, 21 e 22, os alunos participarão de aula presencial com o prof. Manoel Araújo Filho que abordará a Metodologia de EaD. A finalidade é inseri-los na plataforma de ensino a distância (Moodle) na qual o curso será desenvolvido e tirar dúvidas práticas do funcionamento do curso.

Ressaltando a importância da Especialização em Audiodescrição no cenário nacional, a coordenadora administrativa Eliana Lucia Ferreira explica que “será um grande passo para a audiodescrição no Brasil, estamos sendo pioneiros em oferecer condições às pessoas com deficiência de ter acesso a todo tipo de entretenimento”.

Para a coordenadora pedagógica Lívia Motta “existe uma carência muito grande de cursos, principalmente desse nível. Essa especialização conta com número grande de horas, para que os alunos tenham uma formação bem completa e possam ser formadores em suas regiões”, revela.

Na modalidade semipresencial o curso tem carga horária de 405 horas e previsão de outros encontros presenciais nos dias 24, 25 e 26 de julho; 27, 28 e 29 de novembro; 23, 24 e 25 de abril/2015 e o último encontro para a apresentação das monografia, no final de julho ou agosto/2015, quando está previsto o encerramento das atividades.

Recurso

A audiodescrição é um recurso permite que a pessoa com deficiência visual possa compreender filmes, peças de teatro e programas de televisão e outros produtos audiovisuais, espetáculos e eventos de forma semelhante a quem enxerga. Por meio de descrições claras e objetivas ocorridas simultaneamente à obra, a pessoa com deficiência visual pode criar imagens mentais, o que leva a uma melhor compreensão da obra. Na modalidade semipresencial o curso abordará diversas formas, tipos, contextos e gêneros com aplicação da audiodescrição em museus, teatros, cinema e televisão.

Share